Assembleia Municipal aprova segunda alteração ao Contrato de Concessão de Serviço Público da Carris

A Assembleia Municipal de Lisboa reuniu no passado dia 6 de junho numa sessão que ficou marcada pela aprovação da segunda alteração ao Contrato de Concessão de Serviço Público da Carris.

Neste âmbito, o Deputado Municipal, José Leitão, lembrou que só a intervenção concertada entre o Município, responsável pelo planeamento e gestão do território, e os principais operadores de transportes, CARRIS e METRO entre outros, poderão contribuir para a redução da necessidade de transporte individual e contribuir para um modelo de mobilidade sustentável. A nova visão estratégica do Município adotada pela CARRIS, passa por potenciar uma política de mobilidade verdadeiramente integrada territorialmente, em termos da oferta de transportes, da ocupação do espaço público, das políticas de estacionamento e policiamento, e por dotar a cidade de um sistema de transportes públicos mais acessível, mais fiável, mais confortável e mais sustentável e, desta forma, promover a existência de mais passageiros no transporte público, garantindo uma transferência modal do transporte individual para o transporte público.

Foram ainda aprovadas um conjunto de outras propostas, nas quais se destaca a execução do “Acordo entre Acionistas” celebrado com a ASSIMO SGPS, S.A., e a comissão liquidatária da EPUL e, ainda, o Contrato de Delegação de Competências entre o Município de Lisboa e a Junta de Freguesia dos Olivais.