Assembleia Municipal de Lisboa aprova contas de 2016

A Assembleia Municipal de Lisboa reuniu no passado dia 9 de maio, para a continuação da sessão ordinária de abril.

No âmbito do PAOD, o Deputado Municipal Manuel Portugal Lage apresentou a posição do Partido Socialista em relação aos votos, moções e recomendações apresentados pelos restantes Grupos Municipais e Deputados Independentes.

Posteriormente, o Vereador das Finanças, João Paulo Saraiva, apresentou as Propostas n.º 176/CM/2017 – Demonstrações Financeiras e Relatório de Gestão 2016 e n.º 177/CM/2017 – 1.ª Revisão Orçamental 2017, salientando a boa saúde financeira do Município e a crescente melhoria, de ano para ano, das contas apresentadas.

Por sua vez, o Deputado Municipal Hugo Lobo apresentou o parecer da Proposta n.º 176/CM/2017 – Demonstrações financeiras e Relatório de Gestão de 2016, na qual destacou a redução do passivo, a redução sustentável da dívida legal, a redução do prazo médio de pagamento e ainda o resultado líquido do exercício. As contas agora apresentadas são o resultado da gestão responsável do Partido Socialista na cidade de Lisboa.

Por fim, no âmbito das propostas apresentadas pelo Vereador, o Deputado Municipal Hugo Xambre Pereira fez a intervenção do Partido Socialista lembrando que estes documentos representam claramente a boa gestão financeira que o Partido Socialista tem feito à frente dos destinos do Município. Neles se destacam as melhores políticas fiscais da Área Metropolitana para as famílias, bem como a redução da dívida e do passivo. As apostas do Executivo representam não só uma melhoria clara das contas, mas são, também, acompanhadas de um investimento claro na cidade, que representa uma significativa melhoria na qualidade de vida dos munícipes.